Review: Obsidian | Obsidiana (Série Lux #1) - Jennifer L. Armentrout

Série: Lux
Volume: 1
Editora: Entangled Teen/Valentina
Páginas: 320
Gênero:  Young Adult Romance, Supernatural, Sci-Fi.
Lançamento: US: Maio de 2008/BR: Novembro de 2015.
Começar de novo é um saco. Quando a gente se mudou para o interior, bem no início do último ano do colégio, eu já vinha me preparando para o sotaque caipira, o tédio, a internet lenta e um monte de chatices... Até dar de cara com o meu vizinho gato, alto de dar tontura e com intimidantes olhos verdes. Hummm... os prognósticos estavam melhorando. Até que... ele abriu a boca. Daemon é irritante. Arrogante. Dá vontade de matar. A gente não se dá bem. Não mesmo. Mas, quando um caminhão quase me transforma em panqueca, o garoto literalmente congela o tempo com um aceno de mão e aí, bom, algo inesperado acontece. O alien gato (meu vizinho) me deixa com um rastro. Você me ouviu bem. Alien! A verdade é que ele e a irmã têm uma galáxia de inimigos que querem roubar seus poderes. O rastro que deixou em mim brilha como lua cheia, e isso não é nada bom. O único jeito de sair viva dessa é ficar colada em Deamon, até a magia alienígena desaparecer. Quer dizer, isso se eu não matar o cara primeiro.
Bom, na verdade, não foi a edição brasileira da editora Valentina (capa à direita) que eu li, foi mesmo a edição americana da editora Entangled Teen em 2012. Por isso, irei fazer mais uma resenha voltada para história em si e deixar a parte editorial de lado, porque essa parte sempre muda um pouquinho.

Obsidian ou Obsidiana como é chamado por aqui, é o primeiro livro de uma série de seis, da qual já foi finalizada pela a autora. É supernatural e young adult. Tem alguns clichêzinhos, mas nada que afete a história negativamente. Eu gostei bastante da série, confesso que só agora que estou lendo o último livro, mas ficava louca esperando por cada lançamento de tão empolgada e viciada que eu fiquei. Vou ser bem sincera quando digo que fiquei na dúvida se iria gostar de uma história sobre alienígenas, mas esse livro me provou que eu não poderia estar mais errada.

Essa história é basicamente um romance entre um alienígena e uma humana. Obviamente, que tem várias outras coisas envolvidas nesse mundo, mas o ponto alto da série em geral é o romance do Daemon e da Kat. Inclusive, para um livro YA, ele até que tem umas ceninhas bem "criativas" por assim dizer. rss 

E deixa-me esclarecer logo de uma vez que o protagonista masculino, o Daemon é uma coisa realmente fora do normal. Ele provavelmente está entre o meu top 3 de personagens YA masculinos preferidos. Tinha horas que eu até me esquecia de que ele era adolescente, porque como ele e os irmãos vieram para a terra sem os pais, eles meio que tiveram que se virar sozinhos. O Daemon é um personagem complexo, mas que sabe seduzir o leitor. Porém, inicialmente pode ser que ele não deixe uma boa impressão. Mas ele desafia a gente, porque ao mesmo tempo em que ele parece grosseiro, ele também é instigante, o que acaba fazendo você querer dessecar cada camada que ele possui, a fim de conhecê-lo profundamente.
"Eu sempre achei que as pessoas verdadeiramente mais bonitas, tanto por fora quanto por dentro, são as que menos têm noção do efeito que causam."
A premissa da história é a seguinte, a Kat acaba de perder o pai e em uma tentativa de um novo recomeço, ela e a mãe se mudam para uma nova cidadezinha. E embora, ela preferisse ficar enterrada em seus livros ou escrevendo em seu blog sobre literatura (legal, né!? Já foi suficiente pra criar um vínculo), a mãe dela a encoraja a conhecer os seus vizinhos. E ela vai. E é ai que ela conhece o Daemon. O lindo, charmoso, alto e de olhos verdes Daemon Black. Mas logo depois de bater em sua porta, ela percebe que além de tudo isso, ele também é extremamente arrogante, irritante e completamente mal humorado.
"Ele era provavelmente o cara mais lindo que eu já havia visto na vida e ele era um verdadeiro idiota. Vá entender." 
No entanto, por serem vizinhos e todos estudarem na mesma escola, a Kat também acaba conhecendo a irmã mais nova do Daemon, a Dee e percebe que ela é o completo oposto do irmão e para o desgosto dele, logo elas se tornam amigas. Quanto ao Daemon ela não entende o comportamento dele de forma alguma. Uma hora ele parece sentir-se atraído por ela e na hora seguinte, parece detesta-la e nisso ela vai ficando completamente perdida, principalmente porque ela não consegue evitar se apaixonar por ele. 

Enfim, com o tempo, a Kat vai percebendo que tem alguma coisa de estranho sobre eles. Como o fato de eles parecerem morar sozinhos mesmo ainda sendo adolescentes, o jeito que algumas pessoas olham para eles, alguns truques de luz... Tudo isso deixa a Kat cada vez mais intrigada e ela resolve ir em busca da verdade. E bom, é aqui que entra um pouco daquele clichê que eu falei anteriormente.Mas eu vou parar por aqui pra não entregar muito sobre o futuro do livro.

Mas olha, esse jogo de gato e rato da Kat e do Daemon é uma das melhores partes do livro. Porque a Kat é uma personagem feminina extremamente carismática e cativante. Ela é esperta, corajosa, do tipo que não leva desaforo pra casa e sabe se impor. Por isso, que as pequenas discussões que ela tinha com o Daemon eram tão divertidas. A Kat não o deixa passar por cima dela, e já acostumado a tomar o controle das situações, isso deixa ele louco da vida.

Enfim, essa história é viciante. Quando virarem a última página, vão querer morrer pelo o segundo livro. Isso eu garanto. E não precisam se preocupar porque a autora soube mesclar perfeitamente bem os vários elementos do livro. O romance, com a ação e até um pouco de suspense na medida certa. Mas como eu disse, realmente o que se torna mais instigante no livro é o romance, muito embora nesse primeiro livro eles não sejam um casal realmente. O que é um ponto positivo sobre eles, porque não existe aquele amor a primeira vista, ou aquela coisa apressada. O relacionamento deles vai se desenvolvendo gradualmente.

Agora, uma coisa interessante dessa série, é que ela também vai virar filme, e já está até em processo de pré-produção e a roteirista, Ava Dellaira já foi escolhida. Vamos ver o que vem pela a frente. Eu preferia que isso virasse uma série de TV, porque eu já imagino que o estúdio não vá lançar um filme pra cada livro, então a história acaba ficando inacabada mas...

Ah sim e apenas a título de curiosidade, nos Estados Unidos os fãs meio que abraçaram os modelos Húngaros da capa como os personagens Katy e Daemon. Especialmente porque os dois são namorados na vida real. Inclusive, tanto o Pepe Toth quanto a Sztella Tziotziosz já despencaram lá da Hungria para participaram de tours da série com a autora Jennifer L. Armentrout e gravar trailers do livro. E já li algumas entrevistas dos dois e eles super abraçaram a ideia também. Aliás, ambos já fizeram várias outras capas de livros. Aqui no facebook do casal tem várias fotos de ambos. Mas foi mesmo com a série 'Lux' que eles ganharam destaque. 

As capas da série 'Lux' são com a Sztella morena. E assim, ele eu consigo visualizar perfeitamente como o personagem, já ela, apesar de bonita, acho que pra uma menina de 17 anos não passa muito... rss Mas isso é só uma capa né,!?

Enfim, é isso... O livro lança no Brasil agora dia 2 de novembro e ele já está em pré-venda na amazon.

Ah, e se quiserem saber um pouco melhor sobre a ordem da série, eu fiz um post aqui no blog sobre isso. 



8 comentários:

  1. Oii^^
    Eu já comentários desse livro em vários blogs, mas a sinopse dele não chamou muito a minha atenção, porém sempre tive curiosidade, tipo, é um romance entre um alienígena e uma humana, é algo bem diferente dos romances que estamos costumados a ler, sua resenha aguçou minha curiosidade.
    Beijos
    http://wwwleituraromantica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb não achei que fosse gostar. Pq os livros daquele 'eu sou o número 4' não me empolgaram mto mas... quis dar uma chance pra esse e gostei mto e é bem diferente. Acjo que vale a pena tentar.
      Bjooos

      Excluir
  2. Oi!!
    Confesso que não sou muito ligado em histórias de aliens,mas quando vi essa capa e li um pouco sobre o enredo,confesso que me empolguei em começar a ler.Pena que aqui no Brasil as continuações demoram uma eternidade pra chegar :(
    Gostei dessa parte do romance não ser amor à primeira vista,isso mostra como a autora se preocupou em criar um vínculo gradualmente entre os personagen.
    Beijos!

    http://livreirocultural.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. nunca havia ouvido falar do livro, mas parece interessante, vou ler!!!
    By- Esther Evelyn

    ResponderExcluir
  4. Nunca imaginei que iria me apaixonar tanto por essa historia.
    No começo quando descobri que a historia era sobre aliens eu achei meio estranho pesei que não iria gostar,mas resolvi da uma chance jja que ouvi falar muito bem os livros...digamos que foi uma das melhores decisões que eu tomei,hoje esse saga é minha paixão,a historia é muito bem desenvolvida,me prendeu bastante,e o Daemon meu Deus, me apaixonei por ele ♥
    serio quem lê não se arrepende é realmente um dos melhores livros sobrenaturais que já li !!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também amei essa história. Vc já leu os cinco livros?

      Excluir
  5. Até agora não caiu a ficha que vai virar filme ♥♥♥♥♥ to super ansiosa,espero que não estraguem essa história maravilhosa.
    Quem ainda não leu realmente não sabe o que está perdendo,Katy e Daemon são um dos casais mais lindos e divertidos nas histórias sobrenaturais,tenho certeza que se derem um chance para o livro não vão se arrepender!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É de fato uma das melhores séries YA supernaturais atualmente no mercado. Pra quem curte o estilo, esse aqui é garantido.
      Preferia que virasse série de tv. Tenho medo de acontecer com ele o que aconteceu com instrumentos mortais. Como é uma série grande, acho que se encaixa melhor como série de tv. Bjos!!!

      Excluir

Tecnologia do Blogger.