Vem ai: Proíbido - Tabitha Suzuma

Proibido da Tabitha Suzuma, um dos lançamentos de agosto pela a ediotra Valentina é um livro que definitivamente promete. Ele abordará um tema que é extremamente polêmico na nossa sociedade. Ele vem pra discutir o incesto, no caso desse livro, o amor entre dois irmãos. 
E o interessante é que a Tabitha não o escreveu de forma discreta a fim de deixar o leitor mais confortável com o tema. Ela não escreveu de forma que o casal sem saber que são irmãos se apaixonam ou que até mesmo não sabem que esse tipo de relacionamento é tachado como errado pela a sociedade. Não, ela não se acovarda, ela realmente bate de frente com o assunto.
Nessa história os dois tanto sabem que são irmãos quanto sabem quem é errado. O que torna a história deles especial é que eles cresceram em uma família disfuncional. O pai foi embora, a mãe nunca deu a mínima e eles além de terem tido de se cuidar sozinhos ainda tiveram que criar os irmãos mais novos. E isso deu um senso de união a eles. São irmãos, mas nunca se sentiram como tal... É uma união mais baseada na amizade e dessa amizade surgiu o amor de homem e mulher.
Eu ainda não li esse livro, justamente por ser um assunto no minimo complicado, mas já li várias resenhas, e o engraçado é que em quase todas que eu li, as pessoas se sentiram em conflito. Porque não são apoiadoras do incesto e inclusive acham errado, mas mesmo assim não conseguiram torcer contra o casal.
É como se você antes e entrar em casa, deixasse os seus pré julgamentos na porta e entrasse de cabeça e coração abertos.
Acho que esse livro abre um leque de discussões sobre o certo e o errado. Especialmente nesse caso em que na história não estamos lidando com adultos já maduros e preparados e sim com adolescentes. 
Mas enfim, eu sei que eu quero muito ler, porque eu realmente quero me desafiar. Quero ver se esse casal vai conseguir me fazer torcer por eles como ele conseguiu fazer com tantas outras pessoas.
"Brilhantemente contado em pontos de vista alternados, Tabitha Suzuma dá a William Shakespeare uma corrida pelo o seu dinheiro nesse adaptação moderna de um amor proibido." - Books By Their Cover. 
"Um romance extremamente tocante e  bem escrito. Suzuma pega um assunto que é realmente um tabu pela a maior parte das pessoas e cria uma história de partir o coração com um grande impacto emocional. Um corasojo, pungente e poderoso livro... Para leitores mais velhos que procuram por um romance que realmente desafiam as nossas expectativas em histórias juvenis, este é o livro." – I Was a Teenage Book Geek 
"Um dos mais extraordinários pedaços de literatura que eu tenho lido. Sem sensacionalismos, mas com tanta sensibilidade na escrita. Ele é apaixonante, chocante, empático e com um assunto muito bem tratado... Tabitha Suzuma tem o dom." - Anne Carter. 
"Entre toda a dor e o medo quem andam lado a lado com Lochie e Maya, existem momentos de felicidade que são tão brilhantes e poderosos que te deixam quase cego. O fio de paixão que é inteligentemente trançado faz essa história ser incrivelmente sexy. A maiorias das pessoas não entenderão o seu amor por esse livro, a não ser que eles mesmos leiam." – Wanterstone’s 
"De repente o leitor está torcendo por esse casal “escrito nas estrelas”. E se torna tremendamente chocante ver você mesmo fazendo isso. Te força a confrontar alguns sentimentos muitos dificies. Não pôde terminar bem, é claro, e eu chorei rios de lágrimas neste inevitável desenlace... Este é um corajoso e importante livro. Eu nem consigo imaginar o quão difícil foi de escrevê-lo. Bravo." – Jill Murphy
Sinopse:
Ela é doce, sensível e extremamente sofrida: tem dezesseis anos, mas a maturidade de uma mulher marcada pelas provações e privações da pobreza, o pulso forte e a têmpera de quem cria os irmãos menores como filhos há anos, e só uma pessoa conhece a mágoa e a abnegação que se escondem por trás de seus tristes olhos azuis. Ele é brilhante, generoso e altamente responsável: tem dezessete anos, mas a fibra e o senso de dever de um pai de família, lutando contra tudo e contra todos para mantê-la unida, e só uma pessoa conhece a grandeza e a força de caráter que se escondem por trás daqueles intensos olhos verdes. Eles são irmão e irmã. Mas será que o mundo receberá de braços abertos aqueles que ousaram violar um de seus mais arraigados tabus? E você, receberia? Com extrema sutileza psicológica e sensibilidade poética, cenas de inesquecível beleza visual e diálogos de porte dramatúrgico, Suzuma tece uma tapeçaria visceralmente humana, fazendo pouco a pouco aflorar dos fios simples do quotidiano um assombroso mito eterno em toda a sua riqueza, mistério e profundidade.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.