Review: The Unwanted Wife - Natasha Anders

quarta-feira, junho 10, 2015
Série: The Unwanted #1
Editora: Montlake Romance
Páginas: 249
Gênero: Adulto, Romance, Contemporâneo.
Lançamento: Março de 2014.
Delicada e de cabelos ruivos, Theresa Noble conheceu vários associados de seu pai no passado, mas o lindo e italiano Sandro De Lucci a deixa sem palavras. Dezoito meses após o casamento deles, no entanto, Sandro se transformou em gelo. Desesperada para escapar de um relacionamento que tem provado ser tão obstinadamente frio e odioso, Theresa reuni toda a sua coragem e pedi o divórcio. Mas antes que ele possa conceder o seu pedido, Sandro exige uma única coisa de Theresa: um filho. O impasse a inoja. Sem falar que Sandro nunca apresentou Theresa a sua grande família e da qual significa tanto para ele. Ou que Theresa ouve seu marido no telefone com uma mulher misteriosa. O pior é o fato de Theresa sentir na forma que ele a trata, o mesmo comportamento cruel do seu pai. Das profundezas da sua ansiedade, Theresa precisa descobrir uma importante verdade sobre o seu marido, que a chama, com um carinho frio, de sua querida e sua amada.

Eu esbarrei nesse livro por puro acaso, estava procurando por outra coisa e acabei me deparando com ele. Gostei da sinopse e agora encontrei uma nova autora da qual eu com certeza vou ficar de olho daqui pra frente.

'The Unwanted Wife' é uma história bem emocionante, envolvente e principalmente intenso. Ele te coloca na pele da protagonista e te faz sentir todos os sentimentos junto com ela.

Alessandro e Theresa De Lucci estão casados a quase dois anos, na realidade esse relacionamento está longe de ser um casamento real. Os dois mal se falam, mal se olham e quase nunca interagem, a não ser quando se trata de sexo e mesmo assim é o tipo mais frio e distante que poderia existir. Ela o ama desde que eles se conheceram e tem feito de tudo para que ele pudesse nota-la ou sentir alguma afeição ao longo desses dois anos, mas ele mal consegue olhar nos olhos dela. Cansada de tanta frieza e repulsa por parte dele, ela resolve pedir o divórcio. O problema é que ele se recusa, a não ser que ela lhe dê um filho.

Aqui a gente encontra um casamento completamente inexiste e inicialmente o leitor não sabe porque ele tem tanto ressentimento, aliás nem ela entende. O livro já começa com ela esgotada pedindo pelo o divórcio e ao longo dos capítulos ela vai narrando o que aconteceu durante esses dois anos e o que eu posso dizer é que é algo completamente agoniante. Como eu disse, inevitavelmente o leitor se coloca no lugar dela e sente com ela toda a rejeição, humilhação e dor pelo o qual ela passou.
"Eu não tenho nenhum respeito por você Theresa, nem mesmo como potencial mãe para o meu filho, porque francamente, nem isso você consegue fazer direito."
Mas não achem que ela é fraca e suporta esse tipo de tratamento, pelo menos não mais. A gente acompanha o desenvolver de uma mulher frágil em uma mulher forte que toma as rédeas da sua própria vida sem deixar que ninguém passe por cima. Ela está decida a separar-se dele e ter uma nova vida. Ao longo da leitura a gente acaba descobrindo a razão pra tanto ressentimento e quando vem a tona, ele percebe o grande erro que cometeu e não se mostra nem um pouco interessado em lhe ceder o divórcio e perder a sua mulher. 
"Um ano atrás... ou mesmo 18 meses atrás, mas não agora. Você não percebe que agora é tarde demais? É como colocar um band-aid em uma amputação!"
Nossa! Tem horas que você realmente odeia ele, principalmente no inicio. Mas as coisas mudam e gostar e torcer por eles é inevitável. E autora soube trabalhar esse desenvolvimento, evolução perfeitamente. A Natasha Anders desenvolve a questão a fundo, não dá soluções, rápidas, fáceis e convenientes. No fim, o leitor tem a satisfação de ter visto essa história terminar do jeito que deveria.

Esse livro tem momentos de quebrar o coração, momentos "quentes" e também momentos revigorantes. 'The Unwanted Wife' é muito mais do que a sinopse ou qualquer resenha possa descreve-lo. É uma montanha de sentimento que no fim vai te deixar louco por mais. Li esse livro em 4 horas e foram 44 horas que eu absolutamente esqueci que o resto do mundo existia. Vale muito a pena. Recomendadíssimo.
Tecnologia do Blogger.