"Quanto mais se lê, mais coisas você saberá. Quanto mais souber, mais lugares você chegará". - Dr. Seuss

sábado, 20 de junho de 2015

Review: 'A Pound of Flesh' | 'Desejo Proíbido' - Sophie Jackson


Série: A Pound of Flesh
Editora: Gallery Books (EU)/Arqueiro (BR)
Páginas: 448
Gênero: Adulto, Romance, Contemporâneo.
Lançamento: 2015.
Assombrada por pesadelos do assassinato de seu pai há 15 anos atrás, Kat Lane decide enfrentar os seus medos e apoiar o legado dele de ajudar aos outros, ao ensinar alguns presos em uma prisão de Nova York. Lá ela conhece o arrogante Wesley Carter, que é tão bonito quanto perigoso, tão misterioso quanto perspicaz, e com uma reputação que garante manter as pessoas a uma certa distância. Como professora e aluno, Carter e Kat são forçados a deixar as suas animosidades de lado e aprender que ninguém deve julgar um livro pela capa. A medida que as barreiras de Carter começam a desintegrar-se, Kat percebe que há muito mais sobre ele do que ela havia pensado, fazendo com que eles precisem enfrentar um novo e perigoso obstáculo: a inegável atração existente entre eles. Quando Carter é liberado e Kat continua lhe dando aulas fora da prisão , os obstáculos aumentam. Será que eles conseguirão enfrentar os obstáculos e fazer o relacionamento funcionar? Será que a família e os amigos de Kat algum dia aceitarão ela ficar com alguém com o histórico dele? E será que a descoberta de Kat sobre a participação de Carter na noite da morte de seu pai irá separa-los para sempre... ou junta-los?

Livro altamente recomendado pelo os leitores desde o seu lançamento. Na verdade, desde que eu ouvi falar sobre esse livro a uns quatro meses atrás, eu vinha querendo lê-lo. O que me chamou a atenção inicialmente, é que a crítica o categoriza como uma mistura de Samantha Young, Jamie McGuire, Katy Evans e inclusive com a série de televisão americana, Prison Break - o que para mim foi o que mais destacou, tendo em vista que essa é a minha série de tv favorita. Enfim, com aquela sinopse e com tantas boas referências não tinha como essa história ser ruim.

E de fato, ela não é, muito pelo o contrário, ela é boa. A questão é que para mim esse livro teve dois momentos. O momento anterior ao casal de fato ficar junto e o momento posterior. O anterior foi o que eu mais gostei e que me manteve entretida e presa a história. Esse livro proporcionou todos os elementos necessários que fazem um bom livro. Personagens muito bem construídos, casal fofo, história bem desenvolvida e um drama real, sem ser forçado ou fora de proposito. 

Ele é extremamente cativante, meio que um rebelde, que gosta de trilhar os seus próprios caminhos sem se importar muito com o que as pessoas pensam, o que deveria ser ou fazer a fim de agradar terceiros. Ele é o que é e não se desculpa por isso. E por de baixo da superfície há também um cara vulnerável e frágil que não sabe muito bem como lidar com a rejeição. Ela já é uma personagem bem determinada, que tem os seus objetivos bem traçados e que quer de alguma forma poder fazer a diferença no mundo. - em razão de uma promessa que fez ao pai quando criança antes de ele morrer, ela resolve ser professora na prisão em que ele está preso. 

Os dois meio que são incompreendidos por alguns amigos e parentes e por isso, eles meio que têm de lutar para ficarem juntos, dada as a devidas circunstâncias. É um romance proibido pela a situação de professora e aluno. E dificultado pela a situação de ele ser um detento.

Eu achei o romance fofo, mas não sei se porque eu acabo sendo muito exigente também, confesso que algumas vezes achava algumas falas eventualmente um pouquinho 'bregas', mas no geral, o casal é tocante. Agora, eu acredito que se esse livro tivesse sido contado em primeira pessoa, ele teria sido melhor. Porque o que eu senti é que a história poderia ter ido mais a fundo do que ela realmente foi. Porém, acho que isso só aconteceria se nós estivéssemos dentro da cabeça de um dos dois, ao invés de sermos mero observadores. Acho que essa história tinha potencial para mais.

Uma coisa que eu tenho visto que desagradou uma parte dos leitores, foi exatamente um dos fatores que eu mais curti no romance. Me refiro a velocidade lenta que a autora desenvolveu o romance. Realmente, é bem lento, considerando que o livro é bem grande demorou um pouco para as coisas começarem a acontecer. Mas eu particularmente gosto bastante quando isso acontece, porque faz a história ter mais densidade e realidade. O Carter e a Kat não se apaixonam a primeira vista, longe disso, está mais para um caso de ódio a primeira vista. Rola um antagonismo bem grande entre eles inicialmente e só um pouco depois que as coisas vão mudando. 

Outra coisa que eu não curti muito, foi o tanto de coincidências que existem na história. Uma coincidência eu relevo, duas eu acho demais, três já perde muito do crédito. Parece que a história fica um pouco forçada, o que não havia necessidade, tendo em vista que os problemas eram tão reais, que o fator coincidência era desnecessário. Eu preferiria que a escritora tivesse resolvido algumas questões sem precisar de usar tanto desse artificio. Sei que é ficção e etc... Mas quanto mais real ela aparenta ser, mais para perto do leitor ela se chega e com tantas coincidências assim, dificulta um pouco.

Mas de forma geral, tirando essas coisinhas, o livro é bonzinho. Realmente eu gostei dos personagens e para uma escritora de primeira viagem, a Sophie Jackson até que se saiu muito bem. E sim, eu consigo ver o porque 'A pound of Flesh' foi comparado a Prison Break e não só porque a história começa a ser ambientada em uma prisão de Nova York, mas também pela a forma com a qual o casal vem a se conhecer. Alguém ai lembra de Michael e Sara?;)

Enfim, dei no 3.5 basicamente porque do meio para o fim, achei que a história caiu um pouco, mas para a primeira parte, eu dou nota 4. 

Editado: Esse livro está sendo lançado pela a editora Arqueiro em setembro com nova capa e o nome 'Desejo Proibido. Eu pessoalmente gosto mais da versão americana, achei mais delicada e principalmente diferente.

7 comentários :

  1. Ah... pelo que fui lendo pensei que sua nota seria mais baixa. Nota 4 é bom. Pelo menos na minha foma de avaliar. Só dou nota 5 para os livros épicos que entram para o meu hall de favoritos. kkk
    Eu fiquei bem interessada na obra. Obrigada pela indicação!!
    Bjs, Fernanda D.
    NovoRomance.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ah eu tb, nota 5 são para aqueles que abalam as estruturas. Na verdade, dei nota 4 para a primeira parte e nota 3.5 para a segunda parte.
    É bonzinho, dá pra entreter, mas nada demais. ;)
    bjoooos

    ResponderExcluir
  3. Esse livro é ótimo mesmo! Vc sabe quando sairá os próximos livros?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Stefany! Não, não sei. Até agora não ouvi nada sobre o lançamento de 'An ounce of hope'. Mas se souber de algo, aviso! ;)

      Excluir
  4. Olá gostaria de saber se alguém tem o link para baixar o livro não consigo achar.obrigado

    ResponderExcluir
  5. De fato eu nunca me interessei muito por livros com essa temática, mas esse está sendo um dos únicos que eu sinto realmente vontade de ler, que realmente me interessa. Acho que a minha lista de livros vai aumentar esse ano drasticamente. Adorei o seu blog, já está nos meus favoritos.

    Meu Blog: www.umcontainer.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! ;)
      Ele vale a pena, tem uma boa história.
      Bjos!

      Excluir

# Compartilhar

Goodreads Skoob Facebook Twitter Pinterest

Destaques

Resenhas em Destaque



Sistema de Avaliação

Fantástico - Abalou as estruturas
Muito Bom - Gostei bastante
Bom - Dentro da média
Razoável - Meio Fraco
Péssimo - Quase difícil de terminar

Facebook

Twitter

Lendo Atualmente

Parceria

Para se tornar parceiro, entre em contato por e-mail. Saiba mais aqui: aqui.
 -

Siga por E-mail

Tecnologia do Blogger.

Vou Ler


goodreads.com

Copyright © Lápis e Livros | Traduzido Por: Mais Template - Premium Blogger Templates